Como contratar uma agência de SEO?

Está pensando em contratar uma agência de SEO? Um dos principais indicadores de performance de um e-commerce é o volume de tráfego gerado, ou seja, o volume de visitas que a loja obteve diariamente.

 

Existem duas formas básicas de gerar tráfego para o seu e-commerce: por meio de campanhas pagas (Google, Facebook, Afiliados, etc.) ou do tráfego orgânico (visitas geradas por buscas orgânicas nos buscadores).

 

Para otimizar o resultado da segunda forma, por meio de busca orgânica, é necessário fazer um trabalho contínuo de SEO (Search Engine Optimization).

 

Com a utilização de algumas padronizações e técnicas, o seu posicionamento irá melhorar em alguns termos de busca específicos para o e-commerce e o segmento de atuação do negócio.

 

Para isso, uma das opções mais práticas é contratar uma agência de SEO. Como escolher a melhor agência de SEO para o meu e-commerce?

 

Existem alguns pontos que devem ser avaliados no momento de escolha da agência de SEO. Hoje, existem 3 tipos de atividades que impactam o resultado da busca orgânica: estratégia, conteúdo e link building.

 

Uma agência de SEO precisa atuar nas 3 frentes para entregar um bom resultado ao e-commerce. Saiba mais sobre esses e outros fatores importantes:

Produção de conteúdo

Se estamos falando de SEO, estamos falando de indexação de conteúdos nos buscadores. É exatamente esse um dos pontos-chaves do trabalho de otimização da busca orgânica.

 

A agência de SEO precisa ser capacitada na produção de conteúdos otimizados para indexação, mas sem deixar de entregar qualidade de informação.

 

Se a agência de SEO tiver cases dentro do segmento, isso dará mais segurança e garantia de de que fará bons conteúdos para seu clientes, por possuir conhecimento da área do negócio.

 

Aqui vale uma dica que nós da Corebiz vivemos no dia-a-dia: cuidado com a produção de conteúdo que se baseia na cópia de conteúdos já existentes.

 

Busque sempre criar novos conteúdos e não “copiá-los” ou “consolidá-los” somente a partir de leituras de outros conteúdos.

 

Nesse sentido, você precisará incentivar os seus compradores a desenvolverem conteúdos exclusivos, afinal, são eles os responsáveis pelas categorias da sua loja, logo detém muito conhecimento a respeito do tema.

 

 

Otimização técnica

Existem boas práticas de SEO na construção do layout do e-commerce, principalmente nas aplicações de conteúdos em lugares poucos comuns, com página de categoria, por exemplo.

 

Essas otimizações técnicas são necessárias para que o resultado torne-se ainda melhor. Por isso, a agência de SEO precisa de capacitação técnica para propor as mudanças necessárias no e-commerce.

 

Fique atento ao nível de conhecimento técnico que a sua agência tem para poder trabalhar com propriedade o SEO On-Page. Analise outras lojas desenvolvidas e olhe com atenção como está feito o código HTML da loja.

 

Análise de oportunidade

Quanto mais as lojas investem em melhorias de SEO, mais alguns segmentos ficam disputados. São poucas as posições na primeira página do Google e todos querem estar por lá. Por esse motivo, a agência de SEO deve entregar uma estratégia baseada em análise de oportunidades.

 

Mesmo que os termos mais comuns e abrangentes estejam concorridos, existem caminhos que entregam um mesmo volume de tráfego ainda pouco explorado.

 

Além de conteúdo e conhecimento técnico, ter uma inteligência de negócio (Business Intelligence) é essencial para que novas ideias sejam exploradas.

Link building

Quanto mais os sites, e-commerces e portais falam sobre seu negócio e possuem links apontando para o seu e-commerce, melhor será sua posição nos buscadores.

 

O Google entende que quanto maiores forem as citações para o seu e-commerce em determinados assuntos, mais relevante você é, especialmente se vierem de locais com autoridade alta e boa reputação.

 

Então, na hora de analisar uma agência de SEO, não se esqueça de entender qual o poder de atuação dessa agência em Link Building e, dentro da metodologia de trabalho, quais são as atuação ativas para atrair referências em grandes portais.

 

Cases

Se uma agência de SEO tem um caso de sucesso, maiores são as possibilidades de entregar bons resultados. Analise bem os cases , quais foram as estratégias utilizadas em cada um, o histórico de atuação no segmento e quais foram os resultados obtidos.

 

Estratégia

Apesar de métodos e pessoas serem essenciais para organizarem as entregas de uma agência de SEO, a estratégia é um diferencial ainda maior. Para visualizar como será a estratégia da agência de SEO, é preciso saber como serão realizados:

 

Análise do cenário atual e oportunidades: o primeiro passo é entender em que estágio o e-commerce está e qual a posição nos principais termos do segmento. Quem são os principais concorrentes e como eles estão aproveitando as oportunidades. Com base nisso, mapear como aproveitar também esse cenário e quais são os caminhos mais favoráveis para isso.

 

 

Estratégia na curva de produtos: são comuns os anúncios de especialista em SEO com a seguinte frase “seu site na primeira página do Google”. Porém, é preciso se perguntar: você estará na primeira página do Google com quais termos? É exatamente isso que uma estratégia baseada na curva de rodutos lhe dará. Se basear nela é tornar o e-commerce bem posicionado nos buscadores de acordo com as intenções de venda dos produtos mais relevantes.

 

 

Foco em performance: se estamos falando de e-commerce, estamos falando de performance. Neste caso, o SEO não pode estar nunca separado da estratégia. As otimizações e o trabalho realizado pela agência de SEO devem focar e impactar na performance em vendas. Definir metas, definir percentuais que o tráfego orgânico deve compor e ser responsável pelas vendas do e-commerce.

 

Acompanhamento dos resultados

Por último e não menos importante, a forma como a agência de SEO apresentará os resultados é essencial para decidir quem será o seu parceiro para otimização. Relatórios mensais, insights semanais e outras entregas.

 

Independemente do que for, é preciso entender exatamente quais são os dados que serão compartilhados e se são suficientes para uma tomada de decisão no negócio.

 

Após todos esses pontos analisados, sem dúvida, você terá muito clareza de quem realmente é o seu parceiro ideal, e quem realmente conseguirá entregar os resultados de faturamento por meio do tráfego orgânico.

 

Felipe Macedo
2018-07-05T00:57:53+00:00 By |Aquisição de Tráfego|